“Ninguém é perfeito,mas podemos nos esforçar para ser pessoas melhores.”


-pessoas-

Ninguém nasce sendo perfeito e muito menos se tornar perfeito. A vida é uma longa caminhada,em que aos poucos vamos aprendendo a ser tonar pessoas melhores.

Acabamos nos iludindo em pensar que aquela “pessoa” é perfeita ,principalmente quando estamos apaixonados,e consequentemente nos ferindo. E também acabamos sempre enxergando mais os defeitos do que as qualidades, quando não se conhece alguém, e isso é um fato. É muito mais fácil ver o erro do que a qualidade, porque somos tomos humanos. Mas isso não é desculpa para não tentar ser uma pessoa melhor. As imperfeições existem para nos ensinar e nos da personalidade.

Tem pessoas que enxergam nos seus defeitos,certas vantagens e até mesmo qualidade, para ensinar a outras pessoas,que todos nós, podemos sim,nos tornar pessoas melhores e aprender com os nossos erros, e evoluir espiritualmente.

A imperfeição não é um erro incorrigível, e sim o motivo para sempre estarmos buscando o melhor dentro de nós. Porque todos nós somos capazes de oferecer o melhor. E com isso mudar a vida das pessoas que vivem ao nosso redor. E a cima de tudo aprender a nos amar ainda mais.

O que não devemos fazer é aceitar algo que não nos faz bem, e que acima de tudo,afasta as pessoas do nosso lado, achando que elas que estão erradas. E é nisso que muitas pessoas acabam errando, em achar que o problema não somos nós, e sim os outros. Não devemos deixar o nosso ego tomar conta de quem realmente somos, devemos aprender a ouvir as pessoas que realmente nos amam, e prestar a atenção no que elas tem a falar de nós. Não ignorá-las, porque a final, essas pessoas se preocupa com a gente, e quer o nosso bem. Principalmente quando essas pessoas são os nosso pais.

É claro que algo vai nos magoar,mas tem coisas que devem doer, infelizmente,para aprendermos a enxergar, à nós mesmo, de uma maneira diferente,se redescobrir. E se perguntar se aquilo que falamos,o modo que agimos, é realmente a maneira certa de se agir, ou se tem outra forma de melhorar, sem deixarmos de ser nós mesmo. E é claro que, a melhor forma de fazer isso é se colocar no lugar das pessoas que convivem com você, e se perguntar: “Será que eu ia gostar se fosse comigo?”.


E dessa forma,aos poucos vamos aprendendo a lidar com os nossos defeitos e incentivando sem perceber, as pessoas a lidar com os seus também. E consequentemente acabamos se tornando pessoas melhores.

Comente com a sua conta do Facebook

Deixe uma resposta